mulher a retirar um comprimido do blister

Vantagens e desvantagens dos métodos contracetivos

4 mins. leitura

Indíce
  1. 1. Pílula
  2. 2. DIU
  3. 3. Anel Vaginal
  4. 4. Implantes Subcutâneos
  5. 5. Preservativo

Nos dias de hoje, há muitos métodos contracetivos à disposição no mercado. Cada um deles com especificidades e caraterísticas distintas.

Estes métodos podem ser organizados em categorias, tais como: métodos barreira, hormonais, mecânicos, mistos e de emergência. Fique a saber um pouco mais sobre cada um deles.


Prós e contras dos métodos contracetivos

Como já dissemos, são vários os métodos contracetivos que podem ser utilizados, quer por homens, quer por mulheres. A combinação de mais do que um método contracetivo oferece mais segurança, no que à prevenção de gravidezes indesejadas diz respeito.

Contudo, vale a pena lembrar que alguns métodos contracetivos, além de evitarem gravidezes não planeadas, também evitam a contração de doenças sexualmente transmissíveis.

Deste modo, podemos dizer que todos os métodos contracetivos apresentam vantagens e desvantagens, as quais vale a pena conhecer, para ponderar qual o melhor método a adotar por cada indivíduo.


Pílula contracetiva

A pílula é um dos métodos contracetivos mais eficazes na prevenção da gravidez, uma vez que controla o ciclo menstrual, impedindo a ovulação, e espessando o muco cervical, dificultando a chegada dos espermatozoides ao útero.

Vantagens

  • É eficaz, prática, acessível e reversível;
  • Regula o ciclo menstrual;
  • Alivia as dores menstruais.

Desvantagens

  • Se a sua toma for esquecida, a contraceção fica comprometida;
  • Pode ter efeitos secundários;
  • Não evita a contração de doenças sexualmente transmissíveis.

Adesivo Contracetivo

Este método contracetivo corresponde a um adesivo fino e fácil de aplicar no braço, nas costas, no abdómen ou na nádega, onde deve manter-se por uma semana, sendo depois trocado, fazendo um intervalo de 7 dias, ao fim de 3 semanas de aplicação contínua.

O seu funcionamento é semelhante ao da pílula, impedindo igualmente a ovulação e dificultando a chegada dos espermatozoides ao útero.

Vantagens

  • É eficaz, prático e reversível;
  • Regula o ciclo menstrual;
  • Alivia as dores menstruais.

Desvantagens

  • Pode ter efeitos secundários;
  • Pode descolar, o que compromete a sua eficácia;
  • Não evita a contração de doenças sexualmente transmissíveis.


Dispositivo Intrauterino (DIU)

O DIU corresponde a um objeto flexível que, uma vez colocado no útero, vai provocar um conjunto de reações que impedem a ocorrência de uma gravidez. A sua eficácia pode prolongar-se por 10 anos, devendo depois ser colocado outro DIU.

Vantagens

  • É um método fácil, eficaz, duradouro, temporário e reversível;
  • Não é necessário tomar nada, apenas controlar anualmente o seu estado;
  • Não tem qualquer interferência na qualidade do leite materno, podendo a mulher com DIU amamentar.

Desvantagens

  • Não é um método recomendado para todas as mulheres;
  • Pode provocar menstruações irregulares;
  • Não evita a contração de doenças sexualmente transmissíveis.

Anel Vaginal

Este anel é feito de silicone e é flexível. O seu funcionamento assemelha-se ao da pílula, na medida em que também liberta hormonas para a corrente sanguínea.

Quanto à forma de uso, o anel deve ser introduzido na vagina, onde deve permanecer por 3 semanas, seguindo-se uma semana de pausa até à colocação de outro anel.

Vantagens

  • É eficaz, prático e reversível.

Desvantagens

  • Pode sair, o que coloca em causa a sua eficácia;
  • Não é um método recomendado a todas as mulheres;
  • Não evita a contração de doenças sexualmente transmissíveis.


Contracetivo Injetável

Estas são injeções que possuem conteúdo hormonal e funcionam de um modo semelhante ao da pílula. Estas injeções podem ter uma eficácia que vai de 1 a 3 meses.

Vantagens

  • São eficazes, práticas e reversíveis.

Desvantagens

  • Podem ter efeitos secundários;
  • Não evitam a contração de doenças sexualmente transmissíveis;
  • Podem provocar irregularidades menstruais ou amenorreia.

Implantes Subcutâneos

Este é um pequeno implante em silicone que se coloca sob a pele, mais concretamente na região interna do braço. Este implante vai libertando uma hormona (progestagénio) para a corrente sanguínea, a qual previne a gravidez, da mesma forma que a pílula o faz.

É colocado por um médico, sob efeito anestésico.

Vantagens

  • É eficaz, duradouro (cerca de 3 anos), reversível e substituível;
  • Pode ser usado por mulheres a amamentar, já que não prejudica o leite materno;
  • Pode ser usado em mulheres com mais de 35 anos e/ou fumadoras;
  • Não apresenta risco de interações medicamentosas.

Desvantagens

  • Não é um método recomendado a todas as mulheres;
  • Pode causar irregularidades menstruais e amenorreia;
  • Não evita a contração de doenças sexualmente transmissíveis.


Preservativo

O preservativo, quer masculino, quer feminino, funciona como um método contracetivo que, além de prevenir a gravidez indesejada, evita a transmissão de doenças sexualmente transmissíveis.

O preservativo masculino deve ser colocado no pénis ereto, impedindo assim que o esperma entre na vagina.

O preservativo feminino deve ser colocado no interior da vagina, de modo a revestir o colo do útero, evitando dessa forma que o esperma chegue até lá.

Os dois preservativos não devem ser usados em simultâneo, numa mesma relação sexual.

Vantagens

  • Previne a transmissão de doenças sexualmente transmissíveis;
  • Acessível e com vários modelos disponíveis no mercado (no caso do preservativo masculino);
  • Prático de colocar (não tanto no caso do preservativo feminino).

Desvantagens

  • Pode romper (menos provável no caso do preservativo feminino);
  • Pode gerar atrito ou diminuir a sensibilidade.

Contraceção de emergência

Este é um método contracetivo de último recurso que deve ser utilizado após a ocorrência de uma relação coital sem proteção ou com o uso de uma proteção não eficaz. O efeito deste contracetivo depende da altura do ciclo menstrual em que a mulher se encontra.

Vantagens

  • Pode evitar uma gravidez indesejada, no caso do outro método contracetivo ter falhado ou de não ter existido;
  • É prático.

Desvantagens

  • É dispendioso;
  • Tem uma taxa de falibilidade relativa;
  • Não evita a contração de doenças sexualmente transmissíveis.

Agora que já conhece as muitas vantagens e desvantagens de diversos métodos contracetivos, escolha aquele ou aqueles que se adaptam melhor a si e à sua vida sexual.

Aviso: O Blog Mais Saúde é um espaço meramente informativo. A Medicare recomenda sempre a consulta de um profissional de saúde para diagnóstico ou tratamento, não devendo nunca este Blog ser considerado substituto de diagnóstico médico. Encontre aqui profissionais de saúde perto de si.

Contribua com sugestões de melhoria através do nosso formulário online.

Este artigo foi útil?

Obrigado pelo seu feedback.

Partilhe este artigo:

Obrigado pela sua preferência.

Irá receber no seu email as melhores dicas de Saúde e Bem-estar.
Pode em qualquer momento alterar ou retirar o(s) consentimento(s) prestado(s).

Receba as melhores dicas
de Saúde e Bem-estar

Precisamos do seu consentimento para envio de mais informação.

Encontre o melhor
Prestador Medicare perto de si

Código Postal inválido

Pesquise entre os mais de 17 500 Prestadores
da Rede de Saúde Medicare.

Artigos relacionados:
Ver mais
Informação Adicional
sobre Proteção de Dados

Mediante o seu consentimento, os seus dados pessoais serão recolhidos, processados e armazenados informaticamente pela MED&CR - Sistemas de Gestão de Cartões de Saúde Unipessoal Lda. ("Medicare"), com sede na Rua Rodrigues Sampaio n.º 103, 1050-196 Lisboa, número de telefone 219 441 113, e-mail info@medicare.pt , enquanto entidade responsável pelo tratamento dos dados pessoais, nos termos e para os efeitos identificados na lei aplicável, incluindo o Regulamento UE 2016/679 (Regulamento Geral de Proteção de Dados/RGPD) para as finalidades de envio de comunicações de marketing e envio de informação comercial e promocional relativa a produtos e serviços da Medicare.

A informação fornecida será tratada de forma confidencial e utilizada para os fins acima descritos.

A Medicare guardará, tratará e comunicará, quando aplicável, os seus dados de identificação e contacto enquanto não retirar o seu consentimento, de forma a poder apresentar-lhe as promoções, serviços e condições que possam ser mais vantajosas.

Os seus dados poderão ser tratados diretamente pela Medicare ou por entidades por si subcontratadas para o efeito (e sujeitas a obrigações de privacidade e confidencialidade próprias), podendo os dados ser comunicados a autoridades legais e regulatórias, nos termos previstos e determinados por lei. Estas entidades estarão sedeadas dentro do território da UE.

Poderá a qualquer momento retirar o seu consentimento enviando um email para politica.privacidade@medicare.pt, o que não invalida, no entanto, o tratamento efetuado até essa data com base no consentimento previamente dado. Poderá a qualquer momento, através do e-mail disponibilizado, exercer os seus direitos legais de acesso, retificação, portabilidade, limitação do tratamento, esquecimento.

Poderá também exercer o seu direito de reclamação à Comissão Nacional de Proteção de Dados, se considerar que os seus direitos não estão a ser cumpridos.

Para mais informação sobre os termos de tratamento de dados pela Medicare, sugerimos que consulte a Politica de Privacidade, disponível em www.medicare.pt/politica-de-privacidade.

1 presente à escolha

Oferta exclusiva Online

1 presente de boas-vindas à escolha

Aderir Online
Cartão Platinium Mais Vida
Quer aderir? Ligamos grátis! Esclareça as suas dúvidas com a nossa
equipa, sem compromisso.
Precisamos do seu consentimento para envio de mais informação.
Formulário enviado Obrigado pelo seu contacto. Será contactado em breve pela nossa equipa de especialistas.