braço de mulher sentada na cadeira a dar sangue

Quer dar sangue? Saiba se pode fazê-lo

4 mins. leitura

Indíce
  1. 1. Notas importantes
  2. 2. Cuidados a ter
  3. 3. Como doar?

Dar sangue é um contributo essencial para garantir que, por exemplo, nos hospitais não faltam reservas de sangue, sempre que seja necessário proceder a uma transfusão sanguínea.

No entanto, para poder dar sangue é necessário reunir algumas condições importantes, de modo a garantir que nem o dador do sangue, nem o recetor do mesmo correm qualquer tipo de risco. Entenda melhor.


Dar sangue: tudo o que precisa saber

Se nunca deu sangue, mas está a pensar em fazê-lo, saiba que é importante ter conhecimento de algumas informações importantes. Por isso, reunimos uma série de perguntas e respostas para que fique esclarecido, relativamente a poder ou não doar sangue.

Para começar, alguns dos requisitos básicos para doar sangue são:

  • Ter mais de 18 anos (até aos 60 anos se for a primeira dádiva);
  • Ter peso igual ou superior a 50kg;
  • Ter hábitos de vida saudáveis.

Porém, existem outros critérios que são avaliados pelo profissional de saúde que define a elegibilidade para a dádiva de sangue. Para isso, é feita uma avaliação clínica e um exame físico ao candidato. Se for eleito, terá direito ao Cartão Nacional do Dador de Sangue, que identifica o dador e regista as dádivas efetuadas.

Quais são os deveres de um dador de sangue?

Um dos principais deveres do dador do sangue é preencher com honestidade e verdade o consentimento informado que é necessário preencher e assinar, antes de doar sangue.

Quantas vezes por ano se pode doar sangue?

Os homens podem doar sangue quatro vezes por ano, enquanto as mulheres podem doar sangue até três vezes por ano. Os intervalos entre as dádivas devem ser de dois meses.

gota de sangue em papel nas mãos

Quem está grávida, a amamentar ou menstruada pode doar sangue?

As grávidas não podem doar sangue. Enquanto a mãe estiver a amamentar, sobretudo nos primeiros meses, não é recomendável doar sangue, pois isso pode reduzir as reservas de ferro e, desse modo, prejudicar as propriedades do leite materno. Finalmente, as mulheres menstruadas podem doar sangue, desde que não tenham cólicas menstruais (dismenorreia) e os seus níveis de hemoglobina não estejam baixos, o valor deve ser superior ou igual a 12.5gr/dl.


Quem fez exames médicos (endoscopia, colonoscopia), foi operado ou está doente pode doar sangue?

Sim, mas deverá esperar 4 meses após a realização do exame, consoante a situação e a indicação médica.

Quem tem diabetes pode doar sangue, se os valores da glicemia estiverem normalizados e não estiver a fazer insulina. Os hipertensos podem doar sangue, desde que no momento da dádiva tenham os níveis da sua tensão regulados.


Quem já recebeu uma transfusão sanguínea pode doar sangue?

Caso tenha recebido a transfusão sanguínea após 1980, não pode doar sangue, devido ao risco de transmissão de uma variante da Doença de Creutzfeldt-Jakob (doença das vacas loucas).


Se mudar de parceiro sexual, pode continuar a doar-se sangue?

No caso de mudar de parceiro sexual, deve suspender durante seis meses as dádivas de sangue.


Quem tem piercings ou tatuagens pode doar sangue?

Sim, se já tiver o piercing e/ou a tatuagem há mais de quatro meses.


enfermeira a espetar alguns e braço de dador

Quais os cuidados a ter antes e após doar sangue?

Antes de doar sangue, deve-se fazer uma refeição ligeira, beber muita água ou chá e evitar a exposição solar.

Depois de fazer a dádiva de sangue, deve comer, novamente, uma refeição ligeira e consumir muita água. Além disso, devem ser evitadas atividades que exijam muita concentração.


Onde se pode doar sangue e quais os documentos para o fazer?

No site dador, pode ficar a saber quais os pontos de colheita de sangue existentes no país.

Os documentos a apresentar são:

  • Documento de identificação com fotografia;
  • Questionário elaborado pelo Instituto Português do Sangue e da Transplantação, I.P. e devidamente preenchido.

Para mais informações, pode consultar o Estatuto do Dador e o Seguro do Dador.

Aviso: O Blog Mais Saúde é um espaço meramente informativo. A Medicare recomenda sempre a consulta de um profissional de saúde para diagnóstico ou tratamento, não devendo nunca este Blog ser considerado substituto de diagnóstico médico. Encontre aqui profissionais de saúde perto de si.

Contribua com sugestões de melhoria através do nosso formulário online.

Este artigo foi útil?

Obrigado pelo seu feedback.

Partilhe este artigo:

Obrigado pela sua preferência.

Irá receber no seu email as melhores dicas de Saúde e Bem-estar.
Pode em qualquer momento alterar ou retirar o(s) consentimento(s) prestado(s).

Receba as melhores dicas
de Saúde e Bem-estar

Precisamos do seu consentimento para envio de mais informação.

Encontre o melhor
Prestador Medicare perto de si

Código Postal inválido

Pesquise entre os mais de 17 500 Prestadores
da Rede de Saúde Medicare.

Informação Adicional
sobre Proteção de Dados

Mediante o seu consentimento, os seus dados pessoais serão recolhidos, processados e armazenados informaticamente pela MED&CR - Sistemas de Gestão de Cartões de Saúde Unipessoal Lda. ("Medicare"), com sede na Rua Rodrigues Sampaio n.º 103, 1050-196 Lisboa, número de telefone 219 441 113, e-mail info@medicare.pt , enquanto entidade responsável pelo tratamento dos dados pessoais, nos termos e para os efeitos identificados na lei aplicável, incluindo o Regulamento UE 2016/679 (Regulamento Geral de Proteção de Dados/RGPD) para as finalidades de envio de comunicações de marketing e envio de informação comercial e promocional relativa a produtos e serviços da Medicare.

A informação fornecida será tratada de forma confidencial e utilizada para os fins acima descritos.

A Medicare guardará, tratará e comunicará, quando aplicável, os seus dados de identificação e contacto enquanto não retirar o seu consentimento, de forma a poder apresentar-lhe as promoções, serviços e condições que possam ser mais vantajosas.

Os seus dados poderão ser tratados diretamente pela Medicare ou por entidades por si subcontratadas para o efeito (e sujeitas a obrigações de privacidade e confidencialidade próprias), podendo os dados ser comunicados a autoridades legais e regulatórias, nos termos previstos e determinados por lei. Estas entidades estarão sedeadas dentro do território da UE.

Poderá a qualquer momento retirar o seu consentimento enviando um email para politica.privacidade@medicare.pt, o que não invalida, no entanto, o tratamento efetuado até essa data com base no consentimento previamente dado. Poderá a qualquer momento, através do e-mail disponibilizado, exercer os seus direitos legais de acesso, retificação, portabilidade, limitação do tratamento, esquecimento.

Poderá também exercer o seu direito de reclamação à Comissão Nacional de Proteção de Dados, se considerar que os seus direitos não estão a ser cumpridos.

Para mais informação sobre os termos de tratamento de dados pela Medicare, sugerimos que consulte a Politica de Privacidade, disponível em www.medicare.pt/politica-de-privacidade.

1 presente à escolha

Oferta exclusiva Online

1 presente de boas-vindas à escolha

Aderir Online
Cartão Platinium Mais Vida
Quer aderir? Ligamos grátis! Esclareça as suas dúvidas com a nossa
equipa, sem compromisso.
Precisamos do seu consentimento para envio de mais informação.
Formulário enviado Obrigado pelo seu contacto. Será contactado em breve pela nossa equipa de especialistas.