mulher jovem em frente ao espelho com escova de dentes

Como lavar os dentes corretamente: 10 dicas essenciais

5 mins. leitura

Indíce
  1. 1. Uso fio dentário
  2. 2. Frequência
  3. 3. Antes de dormir
  4. 4. Fora de casa
  5. 5. Alimentação

Lavar os dentes corretamente e com frequência é muito importante para manter a boca saudável e prevenir problemas de saúde oral, como cáries, placa bacteriana ou doenças das gengivas. Mas não basta escovar os dentes, é importante que isso seja feito de forma correta e com a duração necessária.

Para assegurar uma correta higiene oral, deverá ainda utilizar o fio dentário ou um escovilhão dentário, de forma a alcançar as zonas a que a escova não chega. Também a alimentação é essencial no que toca à manutenção de uma boa saúde oral, bem como as visitas regulares ao dentista.

Uma infeção num dente ou nas gengivas pode transformar-se num problema bem mais grave, espalhando-se para outros órgãos, como o coração ou os pulmões, podendo estender-se ao cérebro e, até mesmo, ser fatal.


10 dicas essenciais para uma correta lavagem dos dentes

mulher com fio dentário na mão

1. Utilizar fio dentário

Comece por limpar os espaços entre os dentes. Para isso, use fio dentário ou um escovilhão. Pode ainda optar pela versão de fita dentária.

A fita dentária é semelhante ao fio, mas mais larga e mais achatada, sendo mais indicada quando há muito pouco espaço entre os dentes. Já no que respeita ao fio dentário, existe na versão encerada ou não encerada, sendo que a versão encerada também permite deslizar mais facilmente nos espaços interdentais.

Estas duas opções são as melhores para usar no caso de ter dentes muito juntos.

Já o escovilhão ou a versão mais pequena, o palito interdental (não confundir com os palitos de cozinha que não deverão nunca ser utilizados para este fim), é mais apropriado para quem usa aparelho ortodôntico ou para quem tem espaços maiores entre os dentes.

Estes acessórios destinam-se a fazer a limpeza entre os dentes, zona onde, na maioria dos casos, a escova não chega. O sulco gengival, ou seja, o espaço entre a gengiva e o dente também deve ser limpo.


2. Escolher a escova de dentes mais adequada

Escolha uma escova adequada aos seus dentes e, de preferência, discuta este assunto com o seu dentista. Dependendo de ter uma maior ou menor sensibilidade dentária, ter problemas nas gengivas ou de usar ou não aparelho ortodôntico, a curvatura, o tamanho e a macieza das cerdas da escova devem ser adaptadas a essas condições.


fio dentário numa mão de mulher

3. Escovar os dentes com frequência

É importante escovar os dentes, pelo menos, duas vezes por dia, mas o ideal será fazê-lo também após as refeições, devendo, para isso, esperar cerca de meia hora após a refeição já que alguns alimentos mais ácidos, como ananás, tomate ou citrinos, deixam o esmalte dos dentes mais frágil e, portanto, mais sensível ao desgaste causado pela escova.


4. Controlar o tempo de escovagem

O tempo de escovagem é, igualmente, muito importante. No caso de usar uma escova elétrica, tem o trabalho facilitado, já que a grande maioria dos modelos emite um pequeno som ou vibração quando chega ao fim de dois minutos, o tempo ideal para alcançar uma correta escovagem dos dentes. De resto, alguns modelos emitem sinais a cada 30 segundos, como forma de avisar que deve ir alternando as zonas a escovar.

Uma alternativa é ter uma ampulheta (há copos para a escova de dentes que vêm equipados com uma) ou usar o cronómetro do telemóvel.


5. Escolher a pasta dentífrica adequada

A pasta dentífrica deve ser fluoretada e a quantidade utilizada deve ser o equivalente a uma ervilha.

Molhe a escova e depois aplique a pasta. Todas as superfícies dentárias devem ser escovadas: não só os dentes de cima e os dentes de baixo, mas as várias faces: por dentro, por fora e ao nível das superfícies de mastigação.

Estabeleça uma espécie de ritual, começando sempre do mesmo lado e vá avançando de dois em dois dentes, mantendo sempre a escova com uma inclinação de 45 graus em relação à gengiva e vá fazendo movimentos circulares com a escova.


6. Escovar sempre a língua

Depois de escovados os dentes, escove também a língua, local onde se acumulam muitas bactérias. Faça-o com movimentos suaves da escova.


7. Bochechar sempre a boca

Bocheche com água para retirar os vestígios de dentífrico. Também poderá fazê-lo com um elixir bucal. Lembre-se que a utilização do elixir é opcional e não substitui a pasta dentífrica.


8. Escovar os dentes antes de dormir

Lembre-se que a escovagem mais importante é a que acontece antes de ir dormir.

Nunca deixe de escovar os dentes antes de se deitar, lembre-se que com a diminuição de produção de saliva, um importante fator de proteção, as bactérias proliferam mais facilmente, levando à criação de placa bacteriana.


9. Levar um kit escovagem sempre que sair de casa

Tenha sempre consigo uma escova de dentes e um dentífrico. Na carteira, ou na gaveta do escritório, para que não haja desculpas para não lavar os dentes.


10. Ter uma alimentação saudável diária

Não se esqueça que uma alimentação saudável, rica em frutas e vegetais, é o melhor que pode fazer pela sua saúde e também pela saúde da sua boca. Reduza ou elimine os alimentos açucarados e processados.

Aviso: O Blog Mais Saúde é um espaço meramente informativo. A Medicare recomenda sempre a consulta de um profissional de saúde para diagnóstico ou tratamento, não devendo nunca este Blog ser considerado substituto de diagnóstico médico. Encontre aqui profissionais de saúde perto de si.

Contribua com sugestões de melhoria através do nosso formulário online.

Este artigo foi útil?

Obrigado pelo seu feedback.

Partilhe este artigo:

Obrigado pela sua preferência.

Irá receber no seu email as melhores dicas de Saúde e Bem-estar.
Pode em qualquer momento alterar ou retirar o(s) consentimento(s) prestado(s).

Receba as melhores dicas
de Saúde e Bem-estar

Precisamos do seu consentimento para envio de mais informação.

Encontre o melhor
Prestador Medicare perto de si

Código Postal inválido

Pesquise entre os mais de 17 500 Prestadores
da Rede de Saúde Medicare.

Artigos relacionados:
Ver mais
Informação Adicional
sobre Proteção de Dados

Mediante o seu consentimento, os seus dados pessoais serão recolhidos, processados e armazenados informaticamente pela MED&CR - Sistemas de Gestão de Cartões de Saúde Unipessoal Lda. ("Medicare"), com sede na Rua Rodrigues Sampaio n.º 103, 1050-196 Lisboa, número de telefone 219 441 113, e-mail info@medicare.pt , enquanto entidade responsável pelo tratamento dos dados pessoais, nos termos e para os efeitos identificados na lei aplicável, incluindo o Regulamento UE 2016/679 (Regulamento Geral de Proteção de Dados/RGPD) para as finalidades de envio de comunicações de marketing e envio de informação comercial e promocional relativa a produtos e serviços da Medicare.

A informação fornecida será tratada de forma confidencial e utilizada para os fins acima descritos.

A Medicare guardará, tratará e comunicará, quando aplicável, os seus dados de identificação e contacto enquanto não retirar o seu consentimento, de forma a poder apresentar-lhe as promoções, serviços e condições que possam ser mais vantajosas.

Os seus dados poderão ser tratados diretamente pela Medicare ou por entidades por si subcontratadas para o efeito (e sujeitas a obrigações de privacidade e confidencialidade próprias), podendo os dados ser comunicados a autoridades legais e regulatórias, nos termos previstos e determinados por lei. Estas entidades estarão sedeadas dentro do território da UE.

Poderá a qualquer momento retirar o seu consentimento enviando um email para politica.privacidade@medicare.pt, o que não invalida, no entanto, o tratamento efetuado até essa data com base no consentimento previamente dado. Poderá a qualquer momento, através do e-mail disponibilizado, exercer os seus direitos legais de acesso, retificação, portabilidade, limitação do tratamento, esquecimento.

Poderá também exercer o seu direito de reclamação à Comissão Nacional de Proteção de Dados, se considerar que os seus direitos não estão a ser cumpridos.

Para mais informação sobre os termos de tratamento de dados pela Medicare, sugerimos que consulte a Politica de Privacidade, disponível em www.medicare.pt/politica-de-privacidade.