rapariga a coçar o braço

Eczema: como distinguir os diferentes tipos?

5 mins. leitura

Indíce
  1. 1. O que é?
  2. 2. Eczema vs. Dermatite
  3. 3. Tipos de Eczema
  4. 4. Diagnóstico e Tratamento

O eczema é uma condição inflamatória crónica da pele que pode assumir várias formas.

Há sintomas transversais a todos os tipos de eczema, como pele seca e descamativa, vermelhidão ou prurido intenso, e há outros que são específicos de cada um.

Saiba que tipos de eczema existem, como distingui-los e que fatores podem estar na sua origem.


O que é o eczema?

O termo eczema refere-se a um grupo de condições inflamatórias da pele que apresentam sintomas como vermelhidão, prurido, descamação e, por vezes, formação de bolhas.

É muito comum, sobretudo em crianças. Pessoas com alergias alimentares, rinite alérgica ou asma têm uma maior probabilidade de ter eczema. Esta condição é, geralmente, hereditária.

A causa exata não é completamente compreendida, mas fatores genéticos, ambientais e imunológicos desempenham um papel significativo. Os eczemas não são contagiosos.


Diferença entre dermatite e eczema

Apesar de utilizados frequentemente como sinónimos, a dermatite tem uma abrangência mais ampla, referindo-se a qualquer inflamação da pele, enquanto o eczema é um tipo específico de dermatite. Ou seja, pode dizer-se que todo o eczema é uma dermatite, mas nem todas as dermatites são um eczema.


Tipos de eczema

Ainda que alguns sintomas sejam comuns a todos os tipos de eczema, tal como pele seca e descamativa, vermelhidão, hiperpigmentação e prurido intenso, a cada um dos tipos corresponde um conjunto específico de sintomas, bem como diferentes fatores de risco e causas subjacentes.

bebé com erupções cutâneas na cara

Dermatite atópica

A dermatite atópica é o tipo mais comum de eczema. Normalmente, começa na infância e pode ser mais ligeira ou desaparecer na idade adulta. Muitas pessoas com este tipo de eczema têm também asma e rinite alérgica.

A dermatite atópica carateriza-se por erupções cutâneas recorrentes nas zonas flexoras, como cotovelos e joelhos. As erupções cutâneas nos bebés surgem no couro cabeludo e nas bochechas. A pele na zona das erupções pode ficar mais clara ou mais escura, ou mais espessa. Podem surgir infeções na pele quando o paciente coça as erupções.

Esta dermatite ocorre quando a barreira natural da pele não consegue oferecer proteção contra elementos irritantes e alergénios presentes no ambiente. A sua causa assenta numa combinação de aspetos como:

  • Predisposição genética;
  • Fatores ambientais;
  • Pele seca;
  • Um problema no sistema imunitário.

Neurodermatite

Semelhante à dermatite atópica, a neurodermatite carat0eriza-se pelo aparecimento de manchas espessas e descamativas na pele que podem desenvolver-se nos braços, pernas, nuca, couro cabeludo, planta dos pés, dorso das mãos ou órgãos genitais.

Além destas manchas, os sintomas da neurodermatite incluem prurido intenso, principalmente durante o sono ou em momentos de relaxamento. Se coçadas, estas lesões podem sangrar e infetar.

Mais comum em pessoas com outros tipos de eczema ou psoríase, a causa da neurodermatite não é totalmente conhecida. Contudo, o stress pode ter um efeito desencadeador.


Eczema numular

O eczema numular é identificado por manchas redondas e em forma de moeda que causam prurido intenso. Estas lesões podem ser descamativas.

A causa não está completamente esclarecida, mas o eczema numular pode ser desencadeado por uma picada de inseto, por uma reação alérgica a metais ou por produtos químicos. A pele seca também pode contribuir para este tipo de eczema, sendo mais comum em pessoas com outros tipos de eczema, como dermatite atópica.

homem com crostas nas mãos

Dermatite de contacto

A dermatite de contacto é desencadeada pelo contacto direto com substâncias irritantes ou alergénicas. Este tipo de eczema pode ser classificado em dois subtipos:

  • Irritante, que ocorre devido a produtos químicos agressivos;
  • Alérgico, que resulta de uma reação do sistema imunitário a substâncias específicas, como látex ou metal.

Na dermatite de contacto, além do prurido, a pele pode ficar vermelha, hiperpigmentada ou rosada, bem como apresentar queimaduras e picadas.

Pode surgir urticária e podem formar-se bolhas cheias de líquido que podem escorrer e formar crostas. Com o tempo, a pele pode ficar espessa e escamosa.

As causas estão relacionadas com substâncias que irritam a pele ou que provocam uma reação alérgica, nomeadamente:

  • Detergentes;
  • Lixívia;
  • Joias;
  • Látex;
  • Metais;
  • Cremes e cosméticos;
  • Sabonetes;
  • Perfumes;
  • Fumo do tabaco.

Eczema disidrótico

O eczema disidrótico manifesta-se através de pequenas bolhas nas palmas das mãos, laterais dos dedos e planta dos pés.

Bolhas com líquido que causam prurido intenso, seguida de fissuras dolorosas, são caraterísticas distintivas.

O eczema disidrótico pode ser causado por:

  • Alergias;
  • Mãos e pés húmidos;
  • Exposição a determinadas substâncias irritantes;
  • Stress.

Dermatite de estase

A dermatite de estase, ou eczema venoso, ocorre quando há insuficiência venosa dos membros inferiores e o sangue não é drenado adequadamente de volta para o corpo. O aumento da pressão provoca, assim, o vazamento de líquido das veias enfraquecidas para a pele.

Os sintomas da dermatite de estase são:

  • Inchaço nas pernas, pés e tornozelos;
  • Vermelhidão;
  • Prurido;
  • Dores.

Dermatite seborreica

A dermatite seborreica é caraterizada por placas escamosas e oleosas na pele, vermelhidão e prurido. Embora seja mais comum no couro cabeludo e linha do cabelo, também pode afetar outras áreas do corpo, como o rosto, a parte superior das costas e a virilha.

A caspa é considerada uma forma leve de dermatite seborreica. Quando esta dermatite surge nos bebés, é chamada de crosta láctea e não reaparece mais tarde. Em adolescentes e adultos, pode não desaparecer.

A dermatite seborreica deve-se a uma combinação de fatores ambientais e genéticos. O stress ou doença podem desencadear uma reação inflamatória na pele, fazendo com que as glândulas sebáceas produzam mais oleosidade no corpo e acelerem o crescimento do fungo Malassezia, criando um desequilíbrio.

Outros fatores desencadeadores são:

  • Alterações hormonais;
  • Detergentes ou produtos químicos agressivos;
  • Tempo frio e seco;
  • Determinados tipos de medicamentos, como interferon e lítio;
  • Certas condições médicas, como doença de Parkinson, psoríase, VIH e acne.

rapariga a aplicar pomada nas mãos

Diagnóstico e tratamento

Cada tipo de eczema possui caraterísticas distintas e uma avaliação cuidadosa por um médico dermatologista é essencial para lidar com estas condições de pele. A orientação de um profissional de saúde é sempre recomendada para um diagnóstico definitivo e um plano de tratamento personalizado.

É importante consultar um dermatologista se o prurido intenso, vermelhidão, hiperpigmentação, pela seca e descamação não apresentam melhorias ou interferirem com a qualidade de vida.

Manter um diário pode ser útil para identificar os fatores que despoletam o eczema. No entanto, também podem ser realizados testes de alergia para diagnosticar o tipo de dermatite, bem como para saber que substâncias devem ser evitadas.

O tratamento do eczema pode incluir:

  • Anti-histamínicos;
  • Cremes, pomadas ou comprimidos de corticoides;
  • Antibióticos para infeções de pele;
  • Fototerapia;
  • Evitar substâncias que desencadeiam a reação alérgica.

Aviso: O Blog Mais Saúde é um espaço meramente informativo. A Medicare recomenda sempre a consulta de um profissional de saúde para diagnóstico ou tratamento, não devendo nunca este Blog ser considerado substituto de diagnóstico médico.

Encontre aqui profissionais de saúde perto de si.

Contribua com sugestões de melhoria através do nosso formulário online.

Este artigo foi útil?

Obrigado pelo seu feedback.

Partilhe este artigo:

Obrigado pela sua preferência.

Irá receber no seu email as melhores dicas de Saúde e Bem-estar.
Pode em qualquer momento alterar ou retirar o(s) consentimento(s) prestado(s).

Receba as melhores dicas
de Saúde e Bem-estar

Precisamos do seu consentimento para envio de mais informação.

Encontre o melhor
Prestador Medicare perto de si

Código Postal inválido

Pesquise entre os mais de 17 500 Prestadores
da Rede de Saúde Medicare.

Artigos relacionados:
Ver mais
Política de Privacidade