mulher com unhas quebradiças

Presta atenção às unhas? Podem revelar muito sobre a sua saúde...

4 mins. leitura

Indíce
  1. 1. Unhas Quebradiças
  2. 2. Arredondadas
  3. 3. Manchas Brancas
  4. 4. Amareladas
  5. 5. Unhas saudáveis: Como?

Sabia que existe uma ligação entre unhas e saúde? Embora nem sempre se dê atenção ao seu aspeto, este pode ser um indicador de algumas doenças, bem como de carências nutricionais.

Para serem consideradas saudáveis, as unhas devem ser lisas e sem descoloração. Algumas alterações no seu aspeto podem estar relacionadas com lesões causadas por uma pancada, por exemplo. No entanto, há alterações que podem justificar uma ida ao médico. Saiba, a seguir, como as identificar.


10 alterações nas unhas a que deve estar atento

Com uma simples observação das unhas, é possível saber muito sobre a saúde geral de uma pessoa. Desde alterações de cor e forma até ao aparecimento de irregularidades, as unhas são um espelho que refletem possíveis condições médicas.


1. Quebradiças

Colocar as mãos na água com regularidade pode fazer com que as unhas se partam ou lasquem mais facilmente. Mas, às vezes, o facto de estarem mais quebradiças também pode significar uma deficiência de ferro, ácido fólico, vitaminas A, B12 ou C, além de hipotiroidismo. Unhas quebradiças associadas a uma tonalidade amarelada pode ser sinal de uma infeção fúngica, entre outras doenças sistémicas.


2. Arredondadas

As unhas arredondadas - ou baqueteamento de unhas - surgem quando as pontas dos dedos incham e as unhas cobrem as pontas dos dedos. Esta alteração da forma das unhas vai acontecendo ao longo dos anos e está associada a problemas cardíacos, doenças pulmonares, baixo oxigénio no sangue, problemas gastrointestinais e cirrose hepática.


3. Em forma de colher

Quando as unhas ficam curvadas para cima e têm um formato semelhante a uma colher, estamos perante uma condição chamada coiloníquia. Pode ser um sintoma de anemia por deficiência de ferro ou de hemocromatose, um problema hepático genético que causa a acumulação excessiva de ferro no corpo.


4. Manchas brancas

Manchas brancas nas unhas, também conhecidas como leuconíquia, podem significar lesões leves nas unhas, infeções fúngicas, deficiência de zinco, reações alérgicas a produtos químicos, doenças hepáticas, renais ou cardíacas.

homem com as unhas amareladas

5. Amarelas

A causa mais comum para as unhas amarelas é uma infeção fúngica, mas também podem ficar amareladas como resultado do uso de um determinado produto, como, por exemplo, verniz.

Em casos raros, as unhas amarelas podem indicar um problema maior, como doença grave da tiróide, doença pulmonar, diabetes ou psoríase.


6. Linhas pretas

As linhas pretas por baixo da unha podem ser a chamada hemorragia em estilhaços, que surge devido a um trauma na unha, como entalar o dedo numa porta. Mas também pode tratar-se de melanoníquia, causada pelo pigmento melanina, que se trata de um possível sinal de psoríase, endocardite ou melanoma ungueal.


7. Sulcos horizontais

Conhecidos como Linhas de Beau, os sulcos horizontais percorrem a largura da unha e, normalmente, são um sinal de interrupção temporária do crescimento, devido a condições, como trauma ou doença, que afetam a matriz da unha. Algumas causas incluem infeções, diabetes não controlada, doença arterial periférica, febres altas, deficiência em zinco e alguns tipos de medicação, como retinóides e quimioterapia.


8. Brancas com extremidades mais escuras

Quando a maior parte da unha apresenta uma coloração branca opaca ou esbranquiçada, enquanto a extremidade permanece avermelhada ou mais escura, estamos perante unhas de Terry. Podem ser associadas ao processo de envelhecimento, mas também podem ser sinal de uma de várias condições médicas, nomeadamente cirrose, insuficiência cardíaca, diabetes e insuficiência renal.


9. Cavidades irregulares

As cavidades irregulares nas unhas são comuns em pessoas com psoríase e eczema, entre outras doenças de pele. Podem igualmente estar associadas à alopecia areata, uma doença auto-imune que causa queda de cabelo.

Também pode dar-se a separação da unha do leito ungueal, além de as unhas puderem ficar mais espessas e corroídas.


10. Cutículas inflamadas (paroníquia)

A paroníquia crónica é uma condição inflamatória que afeta a pele à volta da unha, resultando em vermelhidão, inchaço e, por vezes, secreção de pus. Pode ser causada por uma reação alérgica, por uma infeção bacteriana ou fúngica pelo fungo candida albicans, por exemplo, ou por psoríase.


Outros sintomas a ter em conta

É importante ter em atenção se, além de alterações no aspeto das unhas, surgem outros sintomas como:

  • Cansaço;
  • Perda de peso sem motivo aparente;
  • Inflamação na pele;
  • Fraqueza;
  • Sede excessiva;
  • Suores noturnos;
  • Tonturas;
  • Inchaço;
  • Sintomas de depressão;
  • Palpitações cardíacas.

mulher com as unhas das mãos arranjadas

Manter as unhas saudáveis

Para manter as unhas saudáveis, é necessária uma combinação de diversos cuidados, nomeadamente:

  • Ter uma dieta rica em nutrientes essenciais, como vitaminas, minerais e proteínas;
  • Beber água suficiente e manter-se bem hidratado;
  • Usar luvas, ao realizar tarefas que exponham as mãos a produtos químicos ou água;
  • Evitar roer as unhas, pois este hábito pode causar danos, enfraquecimento e infeções;
  • Não cortar as cutículas. Em vez disso, empurre-as suavemente para baixo para evitar infeções;
  • Optar por vernizes de unhas sem substâncias químicas prejudiciais.

Se detetar alterações nas suas unhas, como manchas, irregularidades ou mudanças de cor, é aconselhável procurar a orientação médica para uma avaliação adequada.

Aviso: O Blog Mais Saúde é um espaço meramente informativo. A Medicare recomenda sempre a consulta de um profissional de saúde para diagnóstico ou tratamento, não devendo nunca este Blog ser considerado substituto de diagnóstico médico.

Encontre aqui profissionais de saúde perto de si.

Contribua com sugestões de melhoria através do nosso formulário online.

Este artigo foi útil?

Obrigado pelo seu feedback.

Partilhe este artigo:

Obrigado pela sua preferência.

Irá receber no seu email as melhores dicas de Saúde e Bem-estar.
Pode em qualquer momento alterar ou retirar o(s) consentimento(s) prestado(s).

Receba as melhores dicas
de Saúde e Bem-estar

Precisamos do seu consentimento para envio de mais informação.

Encontre o melhor
Prestador Medicare perto de si

Código Postal inválido

Pesquise entre os mais de 17 500 Prestadores
da Rede de Saúde Medicare.

Política de Privacidade